Congresso aprova Recondução Livre para Conselheiros Tutelares
11 de abril de 2019
Sóstenes comemora aprovação de projeto que prorroga benefício fiscal para igrejas
12 de maio de 2019

Projeto de Sóstenes busca justiça no esporte

O deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) apresentou, no ultimo dia 07 de maio, o projeto de Lei 2639/2019 que “Estabelece o sexo biológico como critério exclusivo para a definição do gênero em competições esportivas oficiais no Brasil”.

De acordo com Sóstenes, o projeto visa a promover o equilíbrio no esporte masculino e feminino, sem qualquer tipo de juízo de valor acerca das opções da vida privada de homens e mulheres. E aponta que a participação de atletas do sexo masculino que, após cirurgias de redesignação sexual e/ou tratamentos hormonais, passam a integrar equipes femininas, realidade presente em algumas modalidades esportiva do país, causa evidentes desequilíbrios técnicos e coloca em risco a própria sinceridade das competições.

“Temos um caso prático, que é o caso ‘Tiffany no Vôlei’. É nítida a desvantagem, tanto é que as próprias atletas já se manifestaram com queixas sobre força, velocidade e níveis da atleta trans nas competições. Acho que esse projeto busca justiça e pensado na proteção das mulheres, já que mesmo com o controle de níveis de testosterona sanguínea, não altera significativamente a musculatura e a estrutura óssea, própria do sexo masculino, especialmente em atletas com composição corporal já completa”, explica Sóstenes.

Compartilhe